quinta-feira, 3 de dezembro de 2015


NÃO DESISTIR


Nossas atitudes fazem toda a diferença e podem mover montanhas!

Se você acha que algo está errado em sua vida, na sua casa, na escola, no emprego, na Igreja, no prédio, no condomínio, na comunidade, cidade, estado, país e mundo...

Que tal meditarmos, analisarmos o que estamos achando de errado. Pensar no assunto. Escrever para poder analisar melhor. Orar para ver o que Deus acha deste assunto. Procurar na Palavra de Deus, palavras que possam te ajudar a entender o que está mal ou ler livros sobre o assunto.

Descobriu?
O que pode-se fazer em relação ao assunto?

Voltar a meditar, pensar, analisar e orar pedindo à Deus uma orientação sobre o que fazer.

A vida é uma aventura. Uma caminho para se andar. Onde encontramos obstáculos, vias duplas, mar revolto, montanhas impedindo, dificuldades para enfrentar...

Nós estamos neste caminho que é a Vida! Se queremos vive-la e não ser só protagonista, temos que andar nele e as vezes fazer algo para mudar a situação do caminho.

Todos nós fomos criados com dons e talentos para vivermos a Vida e todos nós podemos entrar nesta vida e colocar nossas mãos para transformar o mal em bem. Somos instrumentos de Deus nesta terra e temos toda autoridade dos céus e da terra para ir e transformar o que necessita ser mudado.
Somos agentes transformadores da sociedade, da família, da comunidade...e em tudo que vivermos.

Não podemos deixar de ir e fazer algo para o melhor. Não devemos ser egoistas, individualistas e desanimados. Quando encontrarmos algo que está errado, pare, respire fundo, medite, analise com calma, antes de tomar qualquer decisão.

Dificuldades, frustrações, angustias, problemas de todos os tamanhos encontraremos em nosso caminhar.

Primeiro temos que acreditar em nós mesmos. Crer que temos dons e talentos que Deus nos deu para fazermos a diferença na sociedade. Para encarar um trabalho de mudança, precisamos ter uma boa auto estima e ter fé no poder de Deus em nossas vidas.

Há histórias de pessoas famosas que passaram por grandes problemas e superaram. Há outros homens e mulheres que amavam tanto o seu país, que deram sua vida para poder transformar o errado no certo. 

Jesus foi o primeiro homem que mudou o mundo completamente para as pessoas que aceitam a sua morte de cruz e ressurreição.

Abraham Lincoln, passou por muitas derrotas até chegar à presidência dos Estados Unidos. Ele faliu em seu negócio próprio, sofreu inúmeras derrotas nas eleições. Mas ele queria vencer para ajudar o ser humano. Ele foi persistente na busca do seu sonho, enfrentava os desafios, influenciava muitas pessoas e não precisava de retorno ou elogios para continuar sua jornada.
Ele foi um grande presidente para o povo americano, foi o presidente que aboliu a escravatura.

Martin Luther King, um pacifista que enfrentou o mundo. Ele era negro e queria acabar com a discriminação dos negros nos Estados Unidos. Ele acreditava nos direitos humanos. Ele sempre foi um grande líder, desde sua juventude..
Abrahan Lincoln libertou os escravos na lei, mas não na vida do povo americano. Eles continuarem com reações, gestos para descriminar o negro. Ele conseguiu fazer com que lugares abrissem para negros frequentarem. Ele lutou muito e morreu lutando, assassinado.

Beethoven era surdo.  Apesar de surdo, ele aprendeu a ouvir o coração. Ele compôs musicas lindas, que ouvimos até hoje. Um surdo e um grande músico.

Albert Einstein, tinha Déficit de Atenção e foi o pai da física e ganhou o prêmio Nobel. Seus pais não acreditavam em derrotas e incutiram nele essa convicção e por isso saiu um grande homem.

Na história há muitos casos de superação, de homens e mulheres que tinham sonhos e após muita luta alcançaram e foram agentes de transformação no talento que Deus deu.

E você, sabe quais são seus talentos e dons?
Se não sabe, procure buscar saber. Depois sonhe muito,. Veja aonde , que lugar, que região, negócio...estão com problemas graves e comece agir para fazer uma grande mudança.

Somos chamados para fazermos a diferença neste mundo.

Um comentário:

Valeria Truchlaeff disse...

Show Carol! Ótimas reflexões!